Metodologia 5S: O que é e como aplicar no dia a dia

Afinal, o que é IoT?
fevereiro 11, 2020
Exibir tudo

Metodologia 5S: O que é e como aplicar no dia a dia

Metodologia 5S: O que é e como aplicar no dia a dia

Quantas vezes você olhou para a mesa de trabalho e pensou em como faria para organizar tudo? A Metodologia 5S pode te ajudar!

Criada no período pós Segunda Guerra Mundial, a Metodologia 5S tem como objetivo mobilizar, motivar e conscientizar toda a empresa para a Qualidade Total, através da organização e da disciplina no local de trabalho.

Mas afinal, no que consiste essa metodologia? Quais são seus benefícios? Como aplicá-la em empresas? Neste post vamos explicar tudo para você!

Como surgiu?

Nascida no Japão, essa metodologia foi criada no período pós Segunda Guerra Mundial, com o intuito de reestruturar o cenário do país, após esse episódio que causou uma crise econômica profunda, principalmente pelos ataques atômicos a Hiroshima e Nagasaki.

A partir desse momento, a metodologia passou a ser aplicada em diversos setores, com ênfase nas grandes companhias.

Diante dessa nova postura, o desenvolvimento e reestruturação do país foi possível, mesmo com todas as dificuldades; tornando o Japão uma da nações que mais inspiram o mundo.

Por tanto, a metodologia 5S tem características muito ligadas à cultura japonesa, principalmente no quesito disciplina.

O que é a Metodologia 5s?

5S é a abreviação de 5 palavras originadas do japonês e, juntas, formam o que chamamos de “Metodologia 5S

  • SEIRI –  Senso de Utilização
  • SEITON –  Senso de Organização
  • SEISO –  Senso de Limpeza
  • SEIKETSU –  Senso de Padronização
  • SHITSUKE –  Senso de Disciplina

A seguir, entenda melhor ao que se refere cada etapa desse método e como aplicar no dia a dia.

SEIRISenso de Utilização

Conceito

Separar o necessário do desnecessário.

Como aplicar

Nessa etapa, é importante que você avalie o que usa e o que não usa no seu local de trabalho. Para isso, aqui vão algumas orientações:

– Uso com frequência: mantenho por perto (na mesa ou na gaveta);

– Não uso com frequência: mantenho longe (armário);

– Não uso: jogo no lixo ou, se for útil, entrego a quem deseja usar;

Benefícios
  • Ganho de espaço;
  • Aumento da produtividade;
  • Reaproveitamento de recursos;
  • Facilidade para a realização das tarefas;
  • Melhoraria no aspecto visual do ambiente;

SEITON – Senso de Organização

Conceito

Colocar cada coisa em seu devido lugar.

Como aplicar

Neste momento você deve definir locais apropriados e alguns critérios para guardar os materiais que você utiliza.

Cada coisa deve ter o seu devido lugar, assim quando você precisar buscar alguma informação saberá exatamente onde ela se encontra.

Benefícios
  • Redução do retrabalho;
  • Agilidade na transmissão das informações;
  • Facilidade e rapidez para encontrar objetos e informações;

SEISO – Senso de Limpeza

Conceito

Limpar e cuidar do ambiente de trabalho

Como aplicar

Aqui, é importante observar ao redor, e perceber pequenos coisas que precisam ser limpas.

Este S desperta maior responsabilidade individual do que os anteriores. O local onde você trabalha é de sua inteira responsabilidade, e não cuidar dele é contraproducente.

Benefícios
  • Higiene no local de trabalho;
  • Manter limpo os ambientes de uso comum;
  • Redução dos riscos de acidentes;

SEIKETSU – Senso de Padronização

Conceito

Criar normas/”standards”

Como aplicar

Este senso refere-se à preocupação com a padronização do que foi organizado. Como conservar tudo que foi feito?

Como pudemos perceber, os 3 sensos anteriores eram “mão na massa”, execução, operação. Mas, este senso trata-se da conscientização.

Benefícios
  • Melhora a imagem da empresa interna e externamente;
  • Facilita o entendimento às regras;
  • Implementa um padrão a ser seguido por todos

SHITSUKE – Senso de Disciplina

Conceito

Todos ajudam

Como aplicar

Essa é a hora de viver as sensações que essa transformação de hábitos gerou.

É preciso disciplina, tempo e paciência para sentir o efeito das mudanças.

Benefícios
  • Melhoria no relacionamento entre as pessoas;
  • Redução do estresse no ambiente de trabalho;
  • Agiliza a implementação da cultura de excelência.

Gostou do post? Não se esqueça de compartilhar!

Para mais informações, entre em contato.